The Blini

The Blini é sinónimo de puro prazer à mesa e de uma vista privilegiada para a cidade do Porto. Situado no ponto alto das Caves de Vinho do Porto, é ideal para os amantes de marisco e peixe que aqui, podem apreciar os sabores do mar pelas mãos do conhecido chefe Cordeiro.

“Tocamos com o olhar a ponte D. Luís, passando pela ribeira até à Ponte da Arrábida. Um pedaço de felicidade sobre o Douro, num ambiente cosmopolita e acolhedor.” – The Blini.

Bora daí descobrir as fantásticas criações que o chefe desenvolve neste pedaço de céu na terra.

Tapenade de azeitona preta, azeite com aromas e diversos pães, inclusive de cebola, para experimentar enquanto pedíamos os vinhos.

Epah.. e eis que chega a sopa! Sopa de peixe com aroma do mar português & fumo da aldeia. Nota 10! Impossível não conseguir apreciar o começo desta aventura com o chefe Cordeiro. A sopa é realmente boa. Diferente. Um verdadeiro e intenso sabor a mar na boca. Uma explosão de prazer. Uau!

Blinis! Set Blini de tinta de choco com mousse de sapateira, lavagante e funcho, blini de menta com wasabi, tataki de atum e caviar de salmão e ainda, blini de laranja com magret de pato, foie e mousse do mesmo.

Uma criação elegante, inteligente e sofisticada.

Para quem não sabe, blini é o nome que dão a um prato tradicional russo. São pequenas panquecas que podem ser de vários sabores, embora existam uns mais tradicionais do que outros.

As origens deste prato tradicional russo, que celebrou recentemente o seu milésimo aniversário, pode ser rastreada até os tempos antigos. Seu antecessor foi feito a partir da geléia de aveia; um viajante faminto que desejou aquecer a mixtura sobre o fogo provavelmente se distraiu com algo, deixando a geléia para fritar e criando, assim, o primeiro blin.

Desde então blini mudaram, mas não muito –agora são feitos não só de aveia, mas também de trigo, centeio e cevada.” – Ler mais.

O prato que se seguia, muito bem apresentado, prometia só de olhar: Naco de atum grelhado, com gaspacho cremoso de tomate, azeite de trufa, flor de sal nacional e ervas. Braseado na perfeição, o seu molho é viciante.

De seguida voltara-se a ver fumo! Fumo esse que é feito a partir de plátano e carvalho francês! Um cheirinho a aldeia tão bom, tão familiar tão místico. Desta vez para presentear o tranche de peixe de anzol no forno em jardim de ervilhas, pak choi, cogumelos selvagens e ar de lima! Delicioso! O peixe estava divinal. Macio, macio e com muito sabor juntando-se ainda o toque de lima e o sabor dos legumes muito bem cozinhados e ainda dos cogumelos.

O outro prato apresentado pelo chefe foi polvo assado no forno à portuguesa com puré de grão de bico, vegetais e molho do assado. Outro prato que aconselhamos. Os legumes também muito bem cozinhados e com muito sabor, o puré estava maravilhoso assim como o polvo. Uma delícia!

Não queríamos acreditar quando vimos as sobremesas chegarem até à nossa mesa. Os nossos olhos já haviam explodido. A saliva dava sinais.. Iriam os nosso receptores gustativos adorar? A resposta, conseguem sentir ao ver as imagens?

Pois claro que sim! Tanta substância química nestes pratos.. Indescritível. Seguramente? Top e aconselhável.

Coloquem na vossa lista de restaurantes a visitar pois, embora o preço seja um pouco mais elevado, é uma experiência que não se pode deixar de viver.

Oráculo conventual. Espécie de esfera caramelizada com elementos crocantes e estaladiços.. Uma sobremesa impressionante. Um de nós simplesmente adorou esta. Não há palavras.

Já a outra parte se derreteu com esta: Cavaca de Arouca ao molho de frutos vermelhos, espuma de limão e merengue. Misturando todos os elementos tornava-se numa bomba de prazer. Verdade. O sabor do pão de ló com aquela parte humedecida e o elemento açúcar na parte de cima a juntar-se ao molho de frutos vermelhos e aos próprios frutos.. O corte do gelado, uau! para estas sobremesas.

Toda a informação relativa a preços e horários entre outras no site da: Zomato

 

Contactos:

Rua General Torres, 344 , Vila Nova de Gaia, Porto  |  224055306

Embora não faça jus à qualidade do restaurante, não deixem de seguir no:

Facebook  |  Instagram 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *